A Elite – Kiera Cass

22 setembro



A Seleção começou com 35 garotas. Agora restam apenas seis, e a competição para ganhar o coração do príncipe Maxon está acirrada como nunca. Quanto mais America se aproxima da coroa, mais se sente confusa. Os momentos que passa com Maxon parecem um conto de fadas. Mas sempre que vê seu ex-namorado Aspen no palácio, trabalhando como guarda e se esforçando para protegê-la, ela sente que é nele que está o seu conforto. America precisa de mais tempo. Mas, enquanto ela está às voltas com o seu futuro, perdida em sua indecisão, o resto da Elite sabe exatamente o que quer e ela está prestes a perder sua chance de escolher.

Título: A Elite

Autor: Kiera Cass

Editora: Seguinte

Número de Páginas: 354

Ano de Publicação: 2013

Skoob: Adicione

Compre: Amazon




Chegando ao segundo livro da série A Seleção de Kiera Cass, A Elite vem com situações que podem te tirar o fôlego e desejar ler o mais rápido possível para saber o que realmente vai acontecer. Agora contamos com apenas seis garotas que estão “lutando” umas contra as outras para conquistar o coração de Maxon, ou apenas ser a escolhida por questão de poder.

Ainda passando a acompanhar o triangulo amoroso entre America, Maxon e Aspen, e claro, a dúvida incessante de America para decidir qual dos rapazes ela realmente ama e gostaria de ficar. Devo dizer que isso foi um pouco chato no primeiro livro (A Seleção), porém aceitável já que ela veio de um relacionamento super longo e Maxon mostra-se um príncipe incrível. Porém aqui em A Elite a história começa a ficar cansativa em relação aos três e da vontade de dar uns tapas em America.


Veja também: A SELEÇÃO - KIERA CASS

Terminamos A Seleção com a ideia que America finalmente decidiu ficar com Maxon, mas devido acontecimentos terríveis ela começa repensar sobre o assunto e quer realmente voltar atrás, levando assim em consideração que Aspen seria uma escolha melhor para si, por ser algo e alguém que ela já conhece. E isso acaba se tornando quase insuportável, pois ela realmente demonstra gostar dos dois e essa dúvida só incomoda ao leitor. Mas, eu diria que apesar disso, acontece tantas coisas que prende o leitor que vale a pena e aumenta a nossa ansiedade para chegar ao fim do livro.

E se no primeiro livro quase não entendíamos como realmente funcionava Illéa, neste o cenário é completamente diferente. Passamos a entender um pouco mais de como funciona a política da mesma, porque ela se tornou em um sistema de castas e conhecemos um pouco mais sobre o fundador do local, digamos assim. E de certa forma, todas essas coisas acabam determinando muito a escolha de America entre os dois rapazes. E agora mais do que nunca, Illéa sofre diversos ataques dos rebeldes fazendo assim com que a história venha tomar um rumo diferente daquele que é descrito inicialmente.


Posso dizer que assim como no primeiro livro, Kiera conseguiu me prender na história de uma certa forma que não há exatamente como explicar. Me deixou mais curiosa pela continuação e fez com que me apegasse mais aos personagens. Ainda sinto com as histórias, como se estivesse vendo um filme ao invés de estar lendo, em alguns momentos parece que estou vivendo aquilo tudo e é simplesmente incrível!

Eu preciso admitir que em alguns momentos próximo ao final da história eu comecei ficar ansiosa porque achei que iria terminar do jeito que estava encaminhando a história, já estava sentindo o desespero na minha leitura para chegar nas últimas palavras e ver que não ia acabar daquele jeito e realmente não acabou como eu estava esperando e aquilo me deixou feliz e extremamente aliviada. E aguardem porque vamos falar na próxima resenha de livros aqui no blog sobre, A Escolha.


You Might Also Like

0 comentários

Postagens Populares

Facebook